Blog Tecnológico

Dados variáveis no Adobe Illustrator CC

Igor Catarino • 27 mar 2018

Um recurso muito prático na hora de produzir dezenas de materiais padronizados com informações variáveis (como crachás, cartões de visitas etc.) é a janela “Variáveis”. Ela existe para que você economize tempo e de forma automatizada modifique arquivos com velocidade.


Você precisará de um Arquivo Mestre, com um Layout definido, onde iremos inserir os dados. Além dele usaremos uma tabela feita no Microsoft Excel, contento os dados, que importaremos para o Illustrator em forma de xml.

Aqui utilizei um modelo de cartão de visitas como exemplo, mas você pode utilizar os Dados Variáveis pra outras demandas. Como, por exemplo, crachás, imagens para Redes Sociais etc.

Dados variáveis no Adobe Illustrator CC

Após finalizar o layout do Arquivo Mestre crie uma tabela no Microsoft Excel. Você deve adicionar as mesmas informações do Arquivo Mestre.

Dados variáveis no Adobe Illustrator CC

Preencha as informações com seus respectivos dados.

Dados variáveis no Adobe Illustrator CC

Não há necessidade de retirar os hiperlinkes. Mas, se você quiser, basta selecionar o texto com o botão direito do mouse e selecionar a opção “Remover Hiperlink”.

Variaveis

Dados variáveis no Adobe Illustrator CC

Para adicionar as imagens na lista selecione o caminho do arquivo na barra de navegação. Copie o endereço e cole na tabela do Excel.

Variáveis

Variáveis

Dados variáveis no Adobe Illustrator CC

Troque as contra barras ( \ ) por barras ( / ).

Dados variáveis no Adobe Illustrator CC

Agora adicione uma barra, após o final do endereço, e escreva o nome da imagem e também ao extensão.

/Nome_da_foto.png
/Nome_da_foto.jpeg  
/ Nome_da_foto.gif

Dados variáveis no Adobe Illustrator CC

Variaveis

A ultima parte, antes de exportamos a lista para o Illustrator, é adicionar  file:///  antes do endereço.

Variaveis

O formato de XML que o Illustrator lê é especifico e diferente do que o Excel salva seus arquivos. Por isso precisaremos de um conversor de arquivos CSV (Comma separated values, ou em português, valores separados por vírgulas) para XML.

Utilizaremos o Mr. Data Converter (https://shancarter.github.io/mr-data-converter/).

Dados variáveis no Adobe Illustrator CC

Selecione os dados na tabela do Excel. Copie e cole no campo “Input CSV or tab-delimited data.” no Mr. Data Converter.

Dados variáveis no Adobe Illustrator CC

Dados variáveis no Adobe Illustrator CC

Altere a opção em “Output as” para XML – Illustrator.

Dados variáveis no Adobe Illustrator CC

Variaveis

Clique sobre o campo do XML e copie.

Variáveis

 Agora abra um bloco de notas. Cole o XML nele.

Variaveis

Variaveis

Faremos algumas alterações no código XML. Clique em Editar>Substituir (ou utilize o atalho Ctrl + H).

Dados variáveis no Adobe Illustrator CC

Variaveis

Para que nosso XML seja legível precisamos substituir as informações <p> e </p> referentes às imagens.

Dados variáveis no Adobe Illustrator CC

Esse <p> indica a existência de um parágrafo. Como queremos uma imagem devemos retira-lo.

Selecione <p>file e cole no campo localizar da janela Substituir. No campo Substituir por: escreva file. Confirme em Substituir Tudo.

Variaveis

Variaveis

Variaveis

Todas as instancias foram alteradas. Agora faremos o mesmo processo com o final da frase. Selecione a extensão da sua imagem mais o final </p> (nome_da_foto.png</p>). Copie e cole em Localizar. Em Substituir por: coloque apenas a extensão de sua imagem. Confirme em Substituir Tudo.

Variaveis

Dados variáveis no Adobe Illustrator CC

Variaveis

Pronto. Agora podemos salvar o arquivo. Vá a Arquivo>Salvar Como. Insira o nome que quiser e adicione .xml: Nome_arquivo.xml . Altere a Codificação para UTF-8.  Salve o arquivo.

Variaveis

Variaveis

Nesse momento volte para o Illustrator. Antes de inserirmos os dados precisamos preparar o arquivo mestre. Vá a Janela>Variáveis. Agora indicaremos para o programa quais serão as informações variáveis.

Variaveis

Variaveis

Selecione o texto e, na janela Variáveis clique no botão (uma pecinha de lego e uma engrenagem), na parte inferior, Tornar o texto dinâmico.  Agora temos uma variável criada com base em nossa caixa de texto. Faça o mesmo processo para as outras variáveis. Lembre-se, o nome da Variável deve ser igual ao dos títulos da tabela do Excel.

Variaveis

Variaveis

Variaveis

Chegamos à parte da imagem. Para que o processo funcione sua imagem base no layout deve ser um link. Para isso basta arrastar a imagem para dentro do Illustrator.

Variaveis

Variaveis

Selecione a imagem e clique em Tornar arquivo vinculado dinâmico e altere seu nome para o mesmo da tabela.

VAriaveis

Variaveis

Variaveis

Clique no menu de hambúrguer, no canto superior direito da janela Variáveis, e selecione “Carregar biblioteca de variáveis”. Selecione o arquivo XML que salvamos há pouco. Clique em “Sim” e confirme a substituição de variáveis.

variaveis

Variaveis

Variaveis

A variável da foto foi convertida em variável de texto. Para corrigir o erro clique no menu de hambúrguer e selecione a opção “Opções de variável.

Variaveis

Variaveis

Variaveis

Modifique o tipo para Arquivo vinculado e confirme em ok. Clique mais uma vez em Tornar arquivo vinculado dinâmico

Variaveis

Variaveis

Variaveis

Variaveis

Clique na setinha, ao lado de “Conjunto de dados:” e veja todos os dados importados da tabela.

Variaveis

Variaveis

Variaveis

Pronto. Seu arquivo está configurado. Agora vamos à exportação dos arquivos. Para automatizar o processo e não precisar fazer um por um iremos criar uma Ação. As ações existem também no Photoshop.

Uma ação é uma série de tarefas reproduzidas em um único arquivo ou lote de arquivos — comandos de menu, opções de painel, ações de ferramenta e assim por diante. Por exemplo, é possível criar uma ação que altera o tamanho de uma imagem, aplica um efeito na imagem e, em seguida, salva o arquivo no formato desejado.

Clique em Janela>Ações. Na Janela das ações, no canto inferior direito, clique em Nova Ação (ícone de folha com ponta dobrada). Na janela de Nova ação coloque o nome desejado. Confirme em Gravar. Suas ações já estão sendo gravadas.

VAriaveis

Variaveis

Variaveis

Variaveis

Para salvar o arquivo pressione Shift+Ctrl+S, ou clique em Arquivo>Salvar como. Depois de selecionar a pasta em que o arquivo será salvo modifique o tipo do arquivo para Adobe PDF. 

Confirme a ação em Salvar. Se o arquivo for para uma gráfica você pode mudar a Predefinição de Adobe PDF para [PDF/X-1ª:2001]. Confirme na opção Salvar PDF. Pressione o botão stop para finalizar a gravação da Ação.

Para que os arquivos sejam exportados, respectivamente utilizando a ação que gravamos, clique no menu de hambúrguer da janela ações. Selecione a opção Em lotes.

Mantenha Ações Padrão em Conjunto. Em Ação selecione a ação que criamos. No tópico Destino habilite a opção Substituir comandos “Salvar” da ação. Clique em Escolher para direcionar o local final dos arquivos e confirme em OK.

Variaveis

Variaveis

Variaveis

Variaveis

Variaveis

Se os arquivos não forem salvos com pdf há varias formas de corrigir. Uma delas é adicionar o .pdf após o nome dos arquivos. Mas em uma situação onde você tem dezenas de arquivos isso não é viável.

Variaveis

Portanto vamos renomear os arquivos de uma vez. Utilizaremos o Adobe Bridge. Abra o programa e vá à pasta onde seus arquivos estão salvos.

Variaveis

Selecione-os e clique em Ferramentas > Renomear em Lote. 

Variaveis

Variaveis

No tópico “Novos Nomes de Arquivo” Mude a opção “Texto” para “Nome de Arquivo Preservado”. Assim os nomes dos arquivos permaneceram os mesmos. Remova as outras caixas de texto clicando no botão “-“.  Mude a opção “Data/hora” para “Nova Extensão”.  

Digite a extensão desejada.  Confirme em Renomear.

 

Finalmente, acabamos.

 

Saiba mais sobre o Treinamento Oficial do Adobe Illustrator CC

Igor Catarino

Designer de Animação, Espcialista em Tecnologias Adobe; e Instrutor de Graphic Design na ENG DTP & Multimídia - São Paulo.

CONTATO